terça-feira, 24 de maio de 2011


Junjou Na Kanjou (full Version)

[Intro with just guitar]
kowareru hodo aishite mo
sanbun-no-ichi mo tsuta waranai
junjou na kanjou wakara mawari
I love you sae ienaide-iru my heart

[Instrumental]

nagaku nemurenai yoru ga
kirue omou ogu
sore wa koi nan desto sasayaku yo
tomedonaku katari kakeru
yureru kodou wa
binetsu majiri no tameiki e to kawaru

Give me smile and shine days
kimi no somaide
itetsu yoru no sam-usa mogo, kowarareru

kowareru hodo aishite mo
sanbun-no-ichi mo tsuta waranai
junjou na kanjou wakara mawari
I love you sae ienaide-iru my heart

manatsu no ame no you ni
kawaita suhada
uruosu kimi no egao ga mabushikute
Give me smile and shine days
kyuu ni suasanaide
donna ni konnan denan kabe kabe mo,
koeru kara

dore dake kimi wo aishitara
kono omoi todoku no darou
mitsu merare utoi inai
kotoba ga chuu ni mau

hanarereba hanareru hodo
itoshii hito da to kidzuku
motomereba motomeru hodo ni
setsunai kyori wo kanjiteru my heart

[Instrumental]

Give me smile and shine days
Give me smile and Nice days
moshimo kono uderu,
kimi to dakishime aeta Nara

dore dake kimi wo aishitara
kono omoi todoku no darou
yume no naka de wa tashika ni
ieta hazu na no ni

kowareru hodo aishite mo
sanbun-no-ichi mo tsuta waranai
junjou na kanjou wakara mawari
I love you sae ienaide-iru my heart

My heart

Um Terço Dos Meus Puros Sentimentos

Mesmo se eu te amasse ao ponto de perder o controle
eu não seria capaz de lhe contar nem um terço de como me sinto.
Essas emoçoes inocentes andam em circulos
mas não são capazes de le dizer "eu te amo"
meu coração.

[Instrumenta]

Na longa noite de insónia meus pensamentos por você.
Estão sussurando "isto é amor".
As tremulas batidas do coração
que falam sem parar
corações transforman-se em suspiros misturados
com uma leve febre.

Dê-me um sorriso em dias brilhantes
como seu sorriso
Então eu poderia aguentar até mesmo o frio das noites enregelantes

Mesmo se eu te amasse ao ponto de perder o controle
eu não seria capaz de lhe contar nem um terço de como me sinto.
Essas emoçoes inocentes andam em circulos
mas não são capazes de le dizer "eu te amo" meu coração.

Seu sorriso é tão brilhante
que umedece minha pele queimando
Assim como uma chuva de verão
Dê-me um sorriso em dias brilhantes
não termine com pressa
eu ultrapassarei qualquer obstaculo, não importa quanto dificil e complicado seja.
ultrapassarei

Não importa quem você ame
essas imagens os alcançarão, certo?
Não diga que pode encontrá-la
encontrar suas palavras estão dançando no espaço

quanto mais distante você fica
mais isso machuca as pessoas que você ama
por mais q as persiga
cada vez mais meu coração sente a cruel distancia

[instrumental]

Dê-me um sorriso em dias brilantes
Dê-me um sorriso em dias bons
um se pudéssemos ao menos encontrarmo-nos em um abraço
pudéssemos

Não importa quem você ame
essas imagens os alcançarão, certo?
se ao menos você houvesse
dito isso em seus sonhos

Mesmo se eu te amasse ao ponto de perder o controle
eu não seria capaz de lhe contar nem um terço de como me sinto.
Mesmo se eu te amasse ao ponto de perder o controle
eu não seria capaz de lhe contar nem um terço de como me sinto.

Meu coração

My history



Após séculos de um sono profundo, uma brisa tão suave e comun tocou meu rosto. Nenhuma presença, ou barullho do mais estrondoso ao mais simples tinha conseguido fazer mover as minhas palpebras, mas essa brisa, com um leve perfume de flores do campo, me fez despertar.
Em apenas um movimento eu estava de pé, tudo parecia estranhamente igual, todos os moveis de meu quarto permaneciam nos mesmos lugares, e mesmo com tanto tempo tudo parecia limpo, alguém deveria estar cuidando dessa parte. Desci para ver o resto da casa Lembro-me que quando me deixei entrar na escuridão que havia dentro de mim, causou impetuosa tristeza em minha familia, e como eu imaginei todos se foram, não havia resquicio de nenhum membro de minha familia.
A dor que a sÉculos me fez adormecer parecia cicatrizada em meu peito, quando me lembrava daquele que jurei nunca mais falar o nome, meu coração congelado não sentia vontade de pulsar.
Agora eu estava sozinha, refletindo o que eu buscaria, para que o viveria, o que me fez acordar.
De uma coisa eu sabia, precisava caçar. Com um pulo adentrei a floresta e velozmente me preparei para saturar minha sede, minha sede de sangue, e depois minha sede de vida.
Ofeguei o cheiro de um grande Leão-europeu, em segundos me fartei de todo seu sangue. Quando me reestabeleci percebi que havia a presença de alguém a me observar, pelo cheiro so podia ser um vampiro como eu. Quando encontei a direção que o estranho estava, escutei os seus movimentos em fuga, instintivamente o segui.
A criatura era muito veloz, consegue ve-lo por milésimos de segundos e vi que se tratava de um vampiro macho, alto, com cabelos compridos que o vento tocava, sua pele era tão pálida e reluzente quanto a minha.
Essa perseguição poderia durar horas, por nenhum de nós dois cansaria, poderiamos dar a volta no planeta, sem parar por nenhum segundo, nadando quando necessario para atravessar ao oceano. Alguma coisa não me deixava desistir de persegui-lo, então me restava esperar que ele se rendesse a minha curiosidade de saber porque ele estava me observando e porque ele estava fugindo de mim.
Até que pude ouvir quando ele diminuiu seus passos...





Rapidamente eu o alcancei, ele ja estava parado e se virando para mim, não pude esconder meu aspecto curioso. Ele tinha a pele tão pálida quanto a minha e os cabelos negros como já havia constatado de longe. Mas eu não pude reparar em mais nada quando pesquei seus olhos. Olhos mais profundos e misteriosos do que toda a história do Universo, parecia que ele tinha a resposta para qualquer indagação em seus olhos. Olhar neles é como se fosse um convite para entrar dentro dele. Poucas coisas conseguem tirar a concentração de um vampiro,e e isso estava acontecendo comigo nesse momento. Ele caminhou alguns passos até mim, pude sentir meu corpo trÊmulo nesse instante. E pela primeira vez escudei sua voz que era tão suave quanto uma canção de ninar:

-Perdõe-me se a assustei, não era minha inteção. Não esperava encontrar ninguém nesta direção, e quando a vi, fiquei perdido em meus pensamentos, e impulsivamente corri. Não quiz ser indelicado. Deixe-me apresentar-me, Sou Herom Diolli, estou viajando pelo mundo e aqui estou de passagem.

Ele me reverenciou cordialmente, e eu educadamente lhe correspondi apresentando-me:

-Não precisa se desculpar cavalheiro, entendo perfeitamente, essa região ja não é habitada há séculos, minha familia é quem vivia aqui, mas so resta a mim até então. Sou Mel Sshat, estive em uma viajem longa atravéz de sonhos perdidos, só agora algo me dispertou e fico feliz em tão logo encontrar um rosto de paz. Mas estás a viajar pelo mundo, és um aventureiro então?Ou busca alguma coisa?

-Muito me estima lhe ser uma agradevel companhia senhorita. Estou em busca de algo sim, como supôs. Na verdade todos estamos não é mesmo. Mas sempre senti um chamado em mim, que me fez caminhar para poder encontrar o sentindo de minha existência. Mas o que a levou a se recolher durante tanto tempo?

Quando percebi estavamos sentados em algumas pedras, próximos um do outro, não somente os nossos membros, a impressão era que isso não era um encontro e sim um reencontro. Comecei a lhe contar minha triste história.

-Passei por situações que não consegui suportar, não fui forte o suficiente para encara-las de frente. Eu era filha caçula, minha familia era bem grande viviamos em festa. Sempre fui a mais romântica, fantasiosa de todos em minha casa. Minha mãe sempre recebeu muitos vampiros, viajantes assim como você. Em um dia nublado chegou mais um visitante, ele foi acolhido por minha familia e ficou conosco por um longo periódo. Ele era muito sábio ja hávia vivido milenios, acabei sendo a mais próxima dele por adorar escutar suas histórias. Com o passar do tempo so existia ele para mim e eu para ele, nossa vida era um ao outro, mas até então não haviamos percibido a mutação deste sentimento. Demorou um bom tempo até percebermos que estavamos apaixonados um pelo outro. Minha familia foi totalmente contra, achavam que aquilo era traição da parte dele, que ele havia me enfeitaçado. Mas, nada me importava além do amor dele. Ele me pediu em casamento e nós irimos embora juntos, para vivermos nossos sonhos e pregarmos nossos ideais pelo mundo. Mas devido aos seus infinitos dias de vivência, ele era um vampiro que vivia entre os dois mundos, o das trevas e o da luz, eu sempre precisava encontrar a luz que ele tinha dentro dele e lhe mostar para que pudesse enchergar a vida. Um dia o chamado da escuridão foi maior que o nosso amor. Esse era o dia do nosso casamento, neste dia ele se foi, sumiu. Resolvi que não mais viveria, faria pior do que me matar, do que condenar minha alma, eu havia escolhido poder ver a vida passar e não vive-la. Durante três séculos eu vivi assim, trancada dentro de mim. Nesse tempo todos se foram. Eu ja estava amortecida por qualquer sentimento, necessidade, e até mesmo pensamentos, quando uma doce brisa me dispertou. E aqui estou eu.

-Sua delicadesa, esconde a fibra que você tem. Isso poderia te-la voltado para o lado maligno, no entanto você guardou tudo isso pra você sofreu sozinha e calada. Três séculos não é nada para a eternidade a qual poderá, e será feliz meu doce néctar. O que pretendez fazer agora?

-Boa pergunta, não parei para pensar nisso, talvez eu deva viver sozinha, talvez essa seja a minha penitencia para ter abandonado a todos, ter sido egoista e pensado somente em mim e minhas necessidades. Mas me responda para que direção seu coração pede para que sigas agora?
.
-Meu coração pede para que eu fique exatamente onde estou.

Não era necessário que muitas coisas fossem ditas. Eu estava revigorada, o destino estava olhando para mim novamente e me empurrando para a vida, eu não podia e não queria negar esse fato. Herom era encantador, ele me puxava a ele, sem fazer nada, sem pedir, sem falar...

Continua..
.




segunda-feira, 23 de maio de 2011

Ser ou parecer


Quanto mais eu assisto filmes, desenhos, séries menos parte desse mundo eu quero fazer...


Quero ser como a Elena de "Diário de um vampiro", em q n tem q se preocupar em notas na escola, ir trabalhar, pagar contas...as preocupações dela são com os vampiros que estão em sua cidade e ameaçam a sua segurança e das pessoas que ama, ela tem que se preocupar com seu namorado, n pq ele é um completo gato e existem 2594000 mulheres ao seu redor e ela tem q se preocupar com ciúmes e insegurança, mas sim que ele tem q lutar com um monte de vilões, precisa de sangue para se alimentar, e tem um irmão que vive colocando-os em risco.



Sakura Kinomoto, minha personagem favorita em animê, além de claro ter 12, o problema da vida dela é, recuperar as cartas Clow...cada dia é uma aventura!!Precisa em segredo lutar contra forças da natureza que ameaçam a cidade que vive...Uall!!Isso sim que seria uma vida legal.



Em Thor, filme q assisti recentemente, Jane se apaixona por nada menos q o rei do trovão...Tipo um gato, que domina um super martelo que o faz ser o mais forte e temido entre seus inimigos...sua preocupação ahh, deixa eu pensar...ser rainha!!Cuidar desse Deus quando ele chega em casa...no filme ele promete voltar para ela na terra, mas se fosse eu sem nem pensar meia vez diria "imaginaaa. eu vou com vc para o seu reino".
Viver nesse planeta sem graça, sem heróis, super poderes, com obrigações chatas e ainda sonhando com um lugar que para ela seria possível.

Pense bem, sua vida não é muito chata comparada com a vida de nossos heróis? 
Quero ser tele transportada!!!!

Motivação


O ser humano é realmente o ser mais profundo existente...sorte daqueles que conseguem viver com pouco, com o simples como os animais.
Quanto mais temos, quanto mais coisas passamos na vida, mais difícil ela se torna...e se é uma pessoa corajosa e forte pensa "mais um desafio superado, que venha o próximo", já quem é frágil e esta cansado não aguenta mais tantas provas de superação.
Mas sim!! O ser humano precisa desses desafios para crescer, precisa disso, das dificuldades, para si mesmo, é a unica forma de crescer.
Mas como o que devemos fazer para nos motivarmos.
Está tão difícil encontrar motivação hj em dia. O trabalho esta cada vez mais desgastante, pois n somos reconhecidos por nossos feitos, por nossos esforços, os amigos cada vez mais vão e vem, são mínimas as pessoas que permanecem em nossas vidas, os romances são massacrados pela realidade do dia-a-dia, as pessoas em que se pode confiar estão cada vez mais longe de nós...o que fazer?
Por que em um dia de 24 horas, os momentos de prazer são reduzidos a minutos desse tempo? Ou muitas vezes não acontecem?
O tempo nos consome, não estamos alimentando nossa alma.

Escrevi isso hj, pq desde o momento que cheguei no trabalho hj ouvi isso diversas vezes...parei pra pensar um pouco, e ver se isso se aplica a mim, e percebi que os sorrisos podem enganar um pouco td isso, mas isso faz parte da vida de todos que vivem olhando para o relógio, que tem mais compromissos do que prazeres, de quem tem obrigações que n quer cumprir.

Um amigo me disse a alguns dias (que fazia aniversário naquele dia), que n tinha mais medo da morte, pq hj ela parecia mais um premio, q o tiraria daquela rotina que ele odiava. Dizemos de mudanças, e força de vontade, mas será hipocrisia td isso?? Será que realmente podemos correr atraz dos sonhos e sermos o q quisermos, ou a vida é impetuosa e massacrante?

Desculpe pelo texto pesado, talvez amanhã eu esteja revigorada,... ou não!

Boa semana!

Preciso ver um fantasma, ou entrar no Digimundo, ou voar com um super herói..URGENTE...n vamos desacreditar na fantasia, por favor!

Atalho do Facebook

Atalho do Facebook

About Me

Minha foto
Emyle Vilalba
Bem Vindos, todos vocês que estão em busca como eu, de socializar a importância da escrita e da leitura em mundo onde esses conceitos estão ficando de lado. Vamos todos nós, amantes desse mundo verbal nos unir para tal tarefa, e apresentar esse mundo profundo e emocionante da leitura aos nossos alunos!
Visualizar meu perfil completo

Bem vindo a minha "toca"

Bom, muitos me perguntam porque sou tão apaixonada por raposas. Como tudo que me interesso tem sempre haver com simbologia com esta não podia ser diferente. Raposa é um animal tido como esperto...certo??!!Bom, agora um segredo, quem me conhece sabe que a esperteza passou muito longe de mim como uma qualidade, sabe que eu sempre acredito em qualquer lorota, e que a ficha sempre cai por último pra mim....definitivamente essa característica das lindas raposas está longe de ser minha...sendo assim daí vem minha grande admiração. E elas moram em "tocas", que assim como as casas são aconchegantes e nos protegem do frio dos perigos da solidão...e é isso q eu quero que essa "toca" seja, um abrigo dos momentos frios, perigosos e de solidão que a vida nos proporciona as vezes!!

Paz e Bem

Amigos

Tecnologia do Blogger.